Vila Cã: Assembleia pede demissão da presidente da Junta

Por: Rita Ribeiro
25-03-2019


A Junta de Freguesia de Vila Cã realizou, na passada quinta-feira, 21 de março, uma Assembleia extraordinária, onde vários membros daquele organismo pediram a demissão da presidente da Junta, Ana Tenente. Caso isso não aconteça, a Assembleia irá pedir a sua “interdição imediata para o exercício do cargo”.

Segundo o Pombal Jornal, “a Assembleia de Freguesia, requerida por sete dos nove membros eleitos, ficou marcada pelas declarações de alguns funcionários da autarquia”, que “sob forte emoção”, relataram casos de “perseguição”, “intimidação” e “medo”, para além da falta de diálogo com a presidente.

A mesma fonte indica que “no final dos trabalhos, o secretário da junta de freguesia, Clément Santos Cruz, apresentou uma carta na qual comunicou a renúncia do cargo”, por considerar que “já não se identifica com o projecto liderado por Ana Tenente, e durante a sessão revelou algumas situações de divergências com os membros do executivo, designadamente o facto de a presidente não lhe responder a emails e de enviar outros em seu nome e assinados por si, sem o seu conhecimento”.

Segundo João Antunes Santos (PSD), desde que Ana Tenente foi eleita presidente, em Outubro de 2013, já pediram demissão quatro funcionários, “estando outros quatro a ponderarem fazer o mesmo”. Por outro lado, foram vários membros eleitos, da assembleia e da junta de freguesia, que pediram renúncia de cargos, alegando, igualmente, divergências com a autarca, dá nota a mesma fonte.

Ana Tenente não marcou presença na Assembleia de Freguesia, alegadamente por “uma quebra de tensão arterial”.

Publicidade
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
Relacionadas
Informação útil
Pombal

17º
18º 15º

Ter.

18º16º

Qua.

18º16º

Qui.

17º16º

Sex.

17º16º

Publicidade
Últimas