Concelho vai ter cinco novos parques de recolha de "monstros"

por: Marta Botas
27-01-2021


O Município de Pombal colocou em funcionamento cinco parques de recolha de “monstros” em Abiul, Albergaria dos Doze, Redinha, Santiago de Litém e Vermoil, para dar resposta à uma necessidade há muito sentida de dotar estas freguesias com condições de recolha de resíduos domésticos volumosos que, pela sua dimensão, volume, forma ou peso, não podem ser recolhidos pelos meios normais de remoção.

Numa nota enviada à PombalTV, a autarquia indica que a iniciativa representa um investimento na ordem dos 150 mil euros e que “estes novos equipamentos procuram disciplinar a má utilização que, de uma forma geral, é dada aos contentores de resíduos que têm estado disponíveis para este fim e que tão má imagem dão do nosso concelho”.

Nestes parques de recolha não devem ser depositados resíduos provenientes de construções e demolições; pneus e quaisquer outros resíduos provenientes de oficinas; resíduos perigosos, nomeadamente telhas de lusalite, tintas e lã de rocha, entre outros; resíduos industriais; cartões, plásticos diversos; lixos domésticos; ou resíduos verdes, designadamente relvas, palmeiras, ramos e outros do género.

Os parques de recolha de “monstros” destinam-se exclusivamente a utilizadores domésticos e estão acompanhados de um sistema de videovigilância que pretende evitar a utilização abusiva ou irregular. Estão devidamente murados e vedados, e dispõem de um contentor para depósito dos resíduos.

De acordo com as regras anunciadas no local, é expressamente proibido e punível com coima, depositar qualquer tipo de resíduo fora do contentor, bem como nos espaços interior e exterior do recinto, sendo igualmente proibido furtar, destruir, vandalizar ou danificar os equipamentos ali depositados.

O funcionamento de cada parque de recolha é assegurado pelas respetivas Juntas de Freguesia em articulação com a Câmara Municipal de Pombal, cabendo a cada utilizador o cumprimento das boas práticas recomendadas.

 

Publicidade
Últimas