Pombal volta a não integrar a lista de concelhos em confinamento parcial

Por: Marta Botas
13-11-2020


O concelho de Pombal voltou a escapar, pela segunda vez consecutiva, à lista de concelhos abrangidos pela medida de confinamento parcial.

A lista dos 121 concelhos avançada no passado dia 30 de outubro foi ontem reavaliada em Conselho de Ministros e foi posteriormente anunciada pelo primeiro-ministro, António Costa, em conferência de imprensa.

Dos 121 concelhos que integravam o mapa de concelhos de risco o Governo decidiu retirar sete, mas a entrada de 77 novos concelhos para a lista fez subir para 191 o número total de concelhos considerados de risco.

Em destaque no distrito de Leiria está a saída do concelho da Batalha e a entrada dos concelhos de Alvaiázere, Ansião e Ourém.

António Costa lembrou que além do recolher obrigatório entre as 23h00 e as 5h00 nos dias de semana, durante os próximos dois fins-de-semana todos os estabelecimentos comerciais e de restauração dos concelhos abrangidos pela medida de confinamento parcial vão ter de fechar entre as 13h00 de um dia e as 8h00 do dia seguinte, à exceção das farmácias, clínicas e consultórios, funerárias, estabelecimentos de venda de bens alimentares com porta para a rua até 200m2 e bombas de combustível.

O primeiro-ministro anunciou ainda um apoio de 20% da perda da receita para os estabelecimentos de restauração destes concelhos, que poderá ser pedido a partir do dia 25 de novembro.

Reconhecendo que a "situação é grave" e "mais crítica do que na primeira fase", António Costadestacou as medidas "menos intensas" do que as aplicadas em março, no que diz respeito ao Estado de Emergência que estará em vigor, a nível nacional, até ao dia 23 de novembro.

Publicidade
Últimas