Município de Pombal pretende criar rede de alojamento turístico em escolas desactivadas

Por: Marta Botas
12-02-2020


A Câmara Municipal de Pombal pretende criar uma rede de alojamento turístico, constituída por 14 escolas que se encontram desativadas em seis freguesias do concelho, com vista ao aumento da capacidade de alojamento existente no concelho.

A proposta do edital de abertura de uma hasta pública para arrendamento dos antigos edifícios escolares para fins de utilização turística foi apresentada na última reunião de Câmara, no passado dia 31 de janeiro.

O documento inclui as escolas de Almezinha, Ges­teira, Tissuaria e Zambujais (freguesia de Abiul), Alhais e Silveirinha Pequena (Carriço), Cavadas, Torneira e Outeiro do Louriçal (Louriçal), Barreiras (Redinha), Barrosa, Ladeira e Roubã (União de Freguesias de Santiago, São Simão de Litém e Albergaria dos Doze) e Carvalhal (Vila Cã).

A escolha recaiu sobre as escolas registadas na conservatória e que estão inteiramente disponíveis, por não estarem a ser utilizadas pelas juntas de freguesia, por associações ou para atos eleitorais. 

Considerando o crescimento dos números do turismo na região centro de Portugal, o município de Pombal acredita que esta iniciativa poderá estimular o investimento privado no setor do turismo e contribuir para o desenvolvimento económico e social no concelho.

O valor base de licitação varia de acordo com a tipologia, sendo de 50 euros para um T1, de 75 euros para um T2 e de 100 euros para um T3.

A adjudicação será feita pelo valor de renda mais elevado e o contrato será de 25 anos, automaticamente renovável por um período de 5 anos. Todas as obras ficam á responsabilidade do arrendatário, mediante prévia aprovação do município de Pombal.

O município de Pombal pretende fazer uma apresentação pública das escolas aos potenciais interessados e aos operadores turísticos que já se encontram a explorar alojamentos locais no concelho, durante o mês de fevereiro.

As propostas serão fixadas até ao dia 31 de março e a abertura pública acontecera pelas 10h00 do dia 9 de abril, no Salão Nobre.

O procedimento ficará disponível para consulta na unidade de turismo, a partir do momento em que for publicado em edital.

Publicidade
Últimas