Detidos três suspeitos do assassinato de empresário pombalenses em Maputo

Por: Rita Ribeiro
20-11-2018


Com investigação em curso, a polícia moçambicana anunciou na passada quarta-feira, 14 de Novembro, a detenção de três suspeitos do rapto e homicídio de Paulo Caetano, empresário pombalenses a residir naquele país há cerca de oito anos, e cujo corpo foi encontrado no domingo, a cerca de 70 quilómetros de Maputo.

Em declarações à Agência Lusa, Serviço Nacional de Investigação Criminal (Sernic), a polícia criminal moçambicana responsável pelas detenções, anunciou que os raptores pediram um resgate de 13 mil euros e uma viatura BMW, que a família do empresário entregou. Além das detenções, o Sernic anunciou a apreensão de um automóvel e uma viatura de transporte coletivo adquirida com o dinheiro do resgate.

O rapto de José Paulo Antunes Caetano, de 51 anos, terá acontecido na zona de Mussumbuluco, na Matola, subúrbios da capital, Maputo, perto das instalações da sua empresa. A polícia foi alertada no sábado por uma secretária da empresa da vítima e o corpo viria a ser encontrado no dia seguinte, numa pedreira abandonada na zona de Moamba. Segundo a polícia responsável pelo caso, vítima apresentava sinais de ter sido atingida com uma faca no pescoço e no braço. Os detidos estão indiciados por outros crimes de raptos e roubos de viaturas, na província de Maputo.

Fotografia: Correio da Manhã

Publicidade
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
Relacionadas
Informação útil
Pombal

12º
14º

Ter.

14º

Dom.

14º11º

Qua.

13º

Seg.

12º

Publicidade
Últimas