Dia Nacional dos Centros Históricos conta com quatro dias de muita música

Por: Rita Ribeiro
27-03-2018


Com intuito de assinalar o dia Nacional dos Centro Históricos, a Junta de Freguesia e o Município de Pombal prepararam quatro dias, de 28 a 31 de Março, recheados de diversas atividades.

Segundo Pedro Pimpão, presidente da Junta de Freguesia de Pombal, o programa deste ano “tem como objetivo chamar a atenção para a música” e por isso o programa do dia Nacional dos Centros Históricos conta com três dias dedicados à música e um à gastronomia, dia 28, com a confeção de uma fogaça gigante.

A noite de quinta-feira é direcionada para o fado com “Coimbra em piano de fundo” no Celeiro do Marquês, pelas 21 horas.

Numa “vertente mais popular”, na Sexta-feira, dia 30, das 10h às 19h, acontece o I Encontro de Gaiteiros com arruadas, uma “tertúlia sobre a importância das tradições” e para terminar uma atuação no Jardim do Cardal.

 O grande destaque do certame acontece no dia 30, sábado, com o festival “Oh da Praça!”. “Entendemos que era importante criar aqui algumas iniciativas que dessem vida às nossas praças por intermédio da música”. Assim, “desafiamos alguns agrupamentos musicais a associarem-se a este Festival”, como Jigsaw e Daily Miseconceptions, sem esquecer alguns “projetos que existem em Pombal”, como a Filarmónica Artística Pombalense, Ricardo e João Silva, Iolanda, Musicool (escola de música), A Casa (escola de música), Submarines in the Sky, Issa Bella, Café Central e Rapaz Improvisado com Vasco Faleiro.

Ana Gonçalves, vereadora responsável pelo pelouro da Cultura do Município de Pombal, afirma que “juntos podemos dar vida ao património” uma vez que o sucesso destes eventos depende da “adesão dos pombalenses”.

Publicidade
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
  • MyPassion
Relacionadas
Informação útil
Pombal

16º
26º 20º

Qua.

32º16º

Qui.

31º16º

Sex.

30º16º

Sab.

22º17º

Publicidade
Últimas